Nitrix © 2019 by TrueContent

Buscar
  • Nitrix


Falta pouco: o skate e as novidades das Olímpiadas de Tóquio


Estamos a pouco do maior evento esportivo do mundo, que em 2020 recebe 5 novas modalidades. Você sabe quais são elas? Confira!


Estamos na contagem regressiva para a abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que acontece no dia 24 de julho de 2020. É a segunda vez, desde 1964, que a cidade japonesa de Tóquio acolhe o evento. E o Brasil embarca pra lá com 250 atletas no total.



Eles irão disputar entre 33 categorias olímpicas e 22 paralímpicas, ao todo. A novidade fica por conta da entrada de 5 novas modalidades esportivas na competição. O Comitê Olímpico Internacional (COI) incluiu na lista o beisebol/softbol, a escalada, o karatê, o surf e o skate.


Leia também: 5 motivos para começar a jogar vôlei de praia nesse verão.


Nos três últimos esportes, o Brasil tem grandes chances que trazer medalhas, afinal conta com profissionais renomados internacionalmente. Ainda mais no skate, onde o país tem 21 principais nomes distribuídos nos rankings de melhores do mundo em todas as modalidades.


Como será a competição do Skate?


É necessário que haja pelo menos uma vaga por continente. Cada país pode classificar 3 atletas por modalidade, disputando 12 medalhas de vencedores nas duas modalidades: street e park. As 40 vagas de cada modalidade foram divididas entre masculino e feminino, somando 20 para cada.


Das ruas para as olimpíadas: o skate é uma das novas modalidades em Toquio 2020

Quem são os atletas brasileiros que irão competir?


Pedro Barros, Letícia Bufoni e Kelvin Hoefler estão entre os nomes que vão representar o país em Tóquio. Eles são selecionados com base no ranking mundial da World Skate.


Confira os nomes por categoria:

  • Park feminino: Dora Varella, Isadora Pacheco, Yndiara Asp, Victoria Bassi e Letícia Gonçalves;

  • Park masculino: Luizinho Francisco, Pedro Barros, Pedro Quintas, Mateus Hiroshi, Murilo Peres e Hericles Fagundes;

  • Street feminino: Pamela Rosa, Rayssa Leal, Letícia Bufoni, Gabriela Mazetto, Virgínia Fortes Águas e Isabelly Ávila;

  • Street masculino: Kelvin Hoefler, Giovanni Vianna, Carlos Ribeiro e Felipe Gustavo.


Um pouco sobre as principais sobre as categorias


A categoria Street é a essência do skate. A pista simula obstáculos de rua, como escadarias, rampas e corrimões. Já o Park mistura elementos e obstáculos do street, bowl e vertical.

Algumas modalidades tradicionais como half pipe, vertical e mega rampa acabaram ficando de fora. Mas mesmo assim, esse é apenas o início. Ter o skate como modalidade olímpica, de certa forma, eleva o esporte e atrai cada vez mais gente para sua prática.

Nossos atletas têm grandes possibilidades de trazer medalhas para casa. Ficaremos na torcida pelos brasileiros que estarão competindo!


Torcendo junto


Os primeiros jogos já têm data certa: no dia 26 de julho a partir das 21h. E prometem entrar noite a dentro.

E por conta do fuso horário do Brasil com o Japão, um Nitrix vai ser mais que necessário para ficar acordado na madrugada e acompanhar cada segundo da competição!

Qual esporte você está mais animado para acompanhar?


Leia também: A composição que te dá energia